Aos 99 anos, ex-combatente da FEB se cura do coronavírus e recebe alta

Depois de passar oito dias internado no Hospital das Forças Armadas de Brasília após ser diagnosticado com coronavírus, o ex-combatente da Força Expedicionária Brasileira (FEB), Ermando Piveta, de 99 anos, recebeu alta nesta terça-feira (14).

Piveta chegou ao hospital no dia 6 de abril e ficou até hoje na “Ala Covid”, reservada para os casos positivos da doença. O segundo tenente recebeu alta no mesmo dia em que se comemoram 75 anos da Tomada de Montese, uma campanha exitosa das tropas brasileiras na Itália, durante a II Guerra Mundial.

O ex-combatente participou desta investida e, na época, partiu de Itu (SP) até Dakar, no Senegal. No retorno, atuou nas ações de guarda da costa brasileira, em Fernando de Noronha, Pontal do Cururipe (AL), Natal e Recife.