Apenas 15% dos profissionais se sentem preparados para lidar com a Covid-19, aponta pesquisa

Com falta de equipamentos e capacitação, apenas 15% dos profissionais da saúde brasileiros se sentem preparados para lidar com a Covid-19. O dado consta em uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas com mais de 1.400 entrevistados de todo o país e divulgada na terça-feira (26).

Somente 32% disseram ter recebido os equipamentos de proteção individual, como máscaras. Além disso, mais da metade dos entrevistados afirmam não sentir que tem o respaldo do governo, número que chega a 67% em relação ao Executivo federal.

A grande maioria diz, ainda, não ter recebido orientações e ações oficiais de formação; só cerca de 22% relatam ter recebido algum treinamento. A professora da FGV Gabriela Lotta, responsável pela pesquisa, afirma que esses profissionais estão sendo expostos sem nenhum apoio ou proteção.

O levantamento mostra também que os profissionais do Norte e do Nordeste são os que receberam menos treinamento e equipamentos para enfrentar a pandemia. Para a pesquisadora Gabriela Lotta, os números apontam para um problema que ainda deve se agravar, que é o da interiorização da Covid-19.

O questionário foi respondido de forma online pelos profissionais da saúde entre os dias 15 de abril e 1º de maio. Entre os entrevistados estão agentes comunitários de saúde e agentes de combate a endemias, enfermeiros e médicos.

*Com informações da repórter Nicole Fusco