Chelsea fornecerá 78 mil refeições ao sistema de saúde da Inglaterra

O Chelsea anunciou, na manhã desta quinta-feira (16), que irá fornecer 78 mil refeições ao Serviço Nacional de Saúde britânico (NHS, na sigla em inglês) e para outras instituições de caridade nas próximas seis semanas. A ação tem como objetivo auxiliar os profissionais da saúde e pessoas em situação de vulnerabilidade durante a pandemia do novo coronavírus.

“As refeições, gratuitas, estão sendo preparadas pelo nosso parceiro Levy e são distribuídas diariamente por um período inicial de seis semanas, com 13.000 refeições por semana”, explicou o clube.

“A iniciativa visa ajudar a equipe do NHS que trabalha em turnos longos e, portanto, pode achar difícil obter alimentos de boa qualidade regularmente, e também faz parte de nosso esforço contínuo para apoiar os mais vulneráveis ​​em nossa comunidade durante a pandemia global do coronavírus.

Em comunicado, o Chelsea informou que está trabalhando em conjunto com algumas ONGs para dar suporte aos idosos e pessoas em situação de rua.

“Estamos e sempre nos comprometemos a apoiar nossas comunidades, especialmente os vulneráveis, e, neste momento, reconhecemos que isso é mais importante do que nunca”, disse o presidente do Chelsea, Bruce Buck.