Constantino: Mandetta sair agora é como trocar pneu de carro em movimento

Jair Bolsonaro começa a se reunir com cotados para assumir Ministério da Saúde. Hoje o presidente deve receber o oncologista Nelson Teich, que foi consultor da campanha na área da Saúde. O encontro, porém, não está agenda oficial.

“São nomes bons, ninguém é insubstituível. É obvio que gera um tipo de tensão você substituir uma equipe e um ministro no meio de uma pandemia, é como trocar de pneu com carro em movimento. Não é agradável, não é tranquilo. Mas acho que não é motivo para desespero até porque todo mundo já sabia da falta de alinhamento entre Mandetta e Bolsonaro — e, mal ou bem, quem tem que definir as diretrizes do governo em linhas gerais é o presidente da República.

Mandetta deu uma entrevista já em tom de despedida, mas também com um tom de humildade. Na minha opinião, reconheceu que está tudo preparado para uma nova pasta e que ninguém é dono da verdade, cada um tem uma resposta. E que a sua equipe estará lá de prontidão para contribuir com o próximo ministro. Que assim seja.”