Estudo com medicamento Remdesivir tem bons resultados em casos graves de Covid-19

Um estudo publicado pela revista científica New England Journal of Medicine trouxe resultados animadores com o uso do medicamento Remdesivir, produzido pela empresa Gilead Sciences, contra infectados pelo novo coronavírus.

A droga foi administrada por dez dias em pacientes que apresentavam casos graves de Covid-19, com quadro respiratório de alto risco. Dos 61 testados – em países como Estados Unidos, Europa, Canadá e Japão -, 53 puderam ter seus dados computados no estudo.

Trinta e seis pacientes, ou 68%, apresentaram melhora considerável no quadro, incluindo 17 deles que puderam deixar os respiradores.

A pesquisa, no entanto, destaca que mais testes, incluindo com grupos de controle, serão necessários para provar a eficácia do Remdesivir.