Mais de 60 hotéis no RJ já fecharam as portas temporariamente

Mais de 60 hotéis do Rio de Janeiro já fecharam as suas portas por conta do estrago provocado pela pandemia de coronavírus. O turismo no estado e no Brasil reduziu fortemente por conta das restrições, do isolamento social e do medo do contágio pela doença.

Os hotéis fechados no RJ são de grifes e várias estrelas, principalmente aqueles que vem desde a Barra da Tijuca, passando por São Conrado, Copacabana, Leme, Botafogo, entre outros.

Por enquanto, os funcionários estão ou em férias coletivas, ou foram afastados temporariamente. Dados da Confederação Nacional do Comércio, Bens e Serviços apontam que o estrago provocado na receita do setor turístico e hoteleiro brasileiro somente no mês de março pode chegar a R$ 3 bilhões a 4 bilhões.

Aqui no RJ, decretos do Estado e do município têm restringido bastante a movimentação de pessoas, mas também a vinda de veículos e ônibus de outros estados para a capital, que registra os segundos maiores números de Covid-19 no Brasil.

Se tudo der certo, a partir de maio, poderá haver uma flexibilização das regras e paulatinamente uma reativação dos hotéis e do setor turístico.

* Com informações do repórter Rodrigo Viga