MLS anuncia que competição não será retomada até maio

A Liga Americana de Futebol Profissional (MLS) emitiu um comunicado no qual informa que a bola não voltará a rolar pela competição pelo menos até meados de maio devido à pandemia do novo coronavírus.

“Acreditamos que as esperanças que tínhamos de que a competição pudesse ser retomada em meados de maio são extremamente improváveis, de acordo com as informações que recebemos das autoridades federais e locais de saúde pública”, afirma a nota da liga.

Embora o comissário da MLS, Don Garber, já tivesse externado o mesmo sentimento nesta segunda, a entidade observa no documento que a opinião das autoridades federais e locais de saúde pública está tornando improvável que o campeonato possa ser retomado em cerca de um mês. Com isso, está se tornando cada vez mais difícil completar a programação original, mesmo que haja datas suficientes disponíveis.

“Nosso objetivo continua sendo disputar o maior número possível de jogos, mas, embora tenhamos atualmente datas suficientes para completar a temporada inteira, reconhecemos neste momento que isso pode ser difícil”, adverte a liga.

A MLS reitera que vem recebendo mensagens diárias de especialistas na área de saúde e continua empenhada em atualizar a situação de um possível retorno às competições nas próximas semanas, de acordo com detalhes adicionais que recebe.

“Como temos feito ao longo deste processo, vamos atualizar nossos fãs a cada decisão, e agradecemos o apoio e compreensão deles durante este tempo extremamente desafiador”, afirma.

Em entrevista à Jovem Pan Online, o meio-campista Artur, do Columbus Crew, afirmou na semana passada que já imaginava que a MLS tomaria esta decisão. O ex-atleta do São Paulo também revelou o clima de tensão no país em meio à pandemia.

Os Estados Unidos são o país com o maior número de casos do novo coronavírus, com 589.048, e com o maior número de mortes por Covid-19, com 25.163, segundo dados oficiais

*Com EFE