Policial foi morto a tiros por motociclista em Ibirité, na Grande BH. Professor disse: ‘Parabéns ao menino da moto’.

Professor preso por parabenizar assassino de PM na Grande BH paga multa e é solto — Foto: Divulgação/Polícia Militar
Professor preso por parabenizar assassino de PM na Grande BH paga multa e é solto — Foto: Divulgação/Polícia Militar

O professor da Rede Estadual de Educação que foi preso em Belo Horizonte por parabenizar na internet os assassinos de um policial militar foi liberado após pagar multa de R$ 1,2 mil.

O crime aconteceu em Ibirité, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na noite de segunda-feira (16). Pablo Coelho, de 27 anos, foi detido pela Polícia Militar nesta terça-feira (17). Em uma postagem da notícia que dizia que o assassino do policial estava de moto, o professor escreveu: “Parabéns ao menino da moto”.

Após ser identificado e detido, ele foi encaminhado para audiência de transação penal no Juizado Especial Criminal. Segundo o Fórum Lafayette, em Belo Horizonte, como o crime cometido é de pequeno potencial ofensivo, com o pagamento da multa, o processo fica suspenso entre dois e quatro anos. Neste período, o professor não pode cometer nenhum outro crime. Caso isso aconteça, o processo volta a tramitar e vai a julgamento.

A Secretaria Estadual de Educação disse que Pablo Coelho é professor designado em uma escola de Belo Horizonte. Destacou que a ocorrência foi registrada fora do ambiente escolar. Disse ainda que o colegiado escolar da unidade irá se reunir, ainda nesta semana, para discutir e deliberar sobre as medidas administrativas que serão tomadas.

O professor não foi localizado.