Saúde: Quase 900 mil testes serão distribuídos até início de maio

O Ministério da Saúde informou, em coletiva de imprensa, nesta quinta-feira (9) que o Brasil deve ter quase 900 mil testes para o novo coronavírus distribuídos até o dia 8 de maio.

De acordo com o secretário-executivo da pasta, João Gabbardo, o número de 892.676 testes representa o que mais que o dobro de testes realizados na Coreia do Sul, que é um dos países que são exemplos no combate ao vírus.

“Temos procuramos nos compararmos com os melhores e o melhor na política de testagem é a Coreia do Sul, eles fizeram 450 mil testes e nós já fizemos 480 mil testes. A questão dos testes é extremamente complexa. E o que o Ministério da Saúde tem conseguido até o momento é motivo de satisfação para todos nós”, disse Gabbardo.

Sem a presença do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, os secretários da pasta Wanderson de Oliveira e Gabbardo detalharam os números de testes e equipamentos de proteção individual (EPIs) que devem chegar ao Brasil nos próximos dias.

“Estamos aguardando 240 milhões de máscaras vindas da China. A primeira remessa de máscaras, prevista para chegar nesta semana, deve atrasar um pouco mais por questões administrativas e burocráticas que estão sendo equacionadas com a embaixada da China”, explicou Oliveira.

A pasta ainda detalhou que destes 240 milhões de máscaras, 200 milhões serão cirúrgicas e outros 40 milhões de máscaras N95.