Evento vai orientar e atender empresários interessados em melhorar seus negócios e que buscam a regularização.

Minas Gerais tem mais de 900 mil microempreendedores. São pessoas que geram emprego e renda para o estado. E a partir desta segunda-feira (20), o Sebrae oferece treinamento para esses profissionais.

Para se cadastrar como Microempreendedor Individual (MEI), o negócio tem que ter faturamento de até R$ 81 mil por ano. Além disso, o empresário não pode ter sócio e pode contratar um funcionário.

Áreas de beleza, alimentação e construção civil são as atividades que têm o maior número de MEIs. São 490 atividades ao todo que podem se enquadrar na classificação.

Em Minas Gerais, o número de registros aumentos mais de 20% no último ano. Somente nos quatro primeiros meses de 2019, mais de duas mil pessoas regularizaram seus negócios.

Para ajudar estes microempresários, o Sebrae realiza a Semana do Microempreendedor Individual, que reúne palestras e orientações pessoais para quem quer ficar regularizado. O site no Sebrae tem as informações.