O aumento de R$ 0,50 na tarifa foi feita para acompanhar o reajuste do metrô; as passagens de ônibus sem a integração permanecem inalteradas; veja os novos preços.

Usuários do metrô de Belo Horizonte — Foto: Flávia Cristini/G1

Usuários do metrô de Belo Horizonte — Foto: Flávia Cristini

A tarifa de integração do Cartão Ótimo, que atende linhas do transporte metropolitano de Belo Horizonte e região, está R$ 0,50 mais cara a partir deste domingo (5). A causa é o aumento da tarifa do metrô, que passou a R$ 2,40 também hoje.

Este é o primeiro aumento do preço do metrô após autorização da Justiça. De acordo com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos, o aumento se deve a uma recomposição do preço que não foi feita por 13 anos na capital mineira. A passagem ainda será reajustada mais cinco vezes até março de 2020, quando custará R$ 4,25.

Veja as datas de reajustes do metrô:

  • 7 de julho de 2019 – R$ 2,90
  • 8 de setembro de 2019 – R$ 3,40
  • 3 de novembro de 2019 – R$ 3,70
  • 5 de janeiro de 2020 – R$ 4
  • 7 de março de 2020 – R$ 4,25

A Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas de Minas Gerais (Setop) informou que somente a tarifa de integração será reajustada. O preço das passagens dos ônibus permanece inalterada. Ainda segundo a secretaria, o aumento de R$ 0,50 será totalmente repassado à CBTU.

Cartazes dentro dos ônibus avisam os passageiros sobre o reajuste.

Novas tarifas de integração do transporte metropolitano

Novas tarifas das linhas de integração do transporte metropolitano de Belo Horizonte — Foto: Divulgação / Secretaria Estadual de Transportes e Obras Públicas (Setop)
Novas tarifas das linhas de integração do transporte metropolitano de Belo Horizonte — Foto: Divulgação / Secretaria Estadual de Transportes e Obras Públicas (Setop)