Uefa se reúne na próxima semana para analisar volta do futebol europeu

A Uefa confirmou que fará uma nova rodada de reuniões para definir o futuro das competições de futebol na Europa, paralisadas por causa da pandemia do novo coronavírus. As lideranças do Comitê Executivo se reunião por videoconferência já na próxima semana.

O encontro seguirá uma série de consultas com as 55 federações da Uefa e representantes de clubes, ligas e sindicatos de jogadores do continente.

A federação quer priorizar a conclusão dos campeonatos nacionais, algo que estabilizaria o futebol na Europa, tentando cumprir contratos de transmissão no valor de bilhões de dólares.

Embora não haja um fim claro para a suspensão, um dos planos seria prolongar esses torneios para julho ou até mesmo agosto. A Liga dos Campeões e a Liga Europa desta temporada poderiam ser retomadas com os títulos decididos. Ambas foram interrompidas em março, ainda na fase de oitavas de final.

Como as negociações com a Uefa estão pendentes, a federação belga afirmou que a liga nacional do país não mais vai decidir nesta quarta-feira sobre uma recomendação para terminar a temporada e declarar como final a classificação atual. Uma assembleia da liga, assim, acontecerá apenas depois da reunião da Uefa.

A Uefa não quer que as federações nacionais tomem decisões rápidas para acabar com a temporada. Há duas semanas, junto com as ligas nacionais e Associação Europeia de Clubes, avisou que as vagas nas competições continentais estariam em risco para quem encerrasse seus campeonatos.

Das grandes ligas, a alemã parece mais próxima de um retorno, pois os jogadores já voltaram a treinar. No entanto, uma reunião dos clubes, que seria nesta sexta, foi adiada para 23 de abril, mesma data do encontro da Uefa.

* Com Estadão Conteúdo